Flamengo define futuro do goleiro Alex Muralha; veja

É possível que o goleiro Alex Roberto não precise nem se apresentar ao Flamengo no começo da temporada de 2019. O clube ainda insiste para renovar o empréstimo do jogador junto a um clube do Japão, por mais uma temporada.

Vale lembrar que o goleiro tem vínculo com o Flamengo até 2020. Como não será aproveitado, seja qual for a diretoria eleita, os dirigentes atuais já encaminham as conversas para manter o goleiro no país em que atuou por empréstimo em 2018.

Alex jogou no Albirex Nigata, mas seus agentes não avançaram para mantê-lo por lá. A conclusão do negócio será feita pelo novo presidente. Ricardo Lomba, da situação, e Rodolfo Landim, da oposição, são os favoritos na eleição de sábado. Representantes do goleiro ainda buscam outras alternativas de mercado mais vantajosas.

Alex Roberto chegou ao Flamengo em 2016, assumiu a vaga de Paulo Victor, e fez 75 jogos oficiais defendendo o clube da Gávea. O goleiro foi convocado algumas vezes para a disputa das Eliminatórias para a Copa do Mundo da Rússia pelo técnico Tite.

No ano passado, no entanto, falhou de forma sucessiva e acabou barrado, mas voltou na final da Copa do Brasil, quando o Flamengo perdeu nos pênaltis. Na ocasião, Diego Alves, contratado, não estava inscrito.

Além de Alex Roberto, o Flamengo tenta realocar o atacante Gabriel, que tem contrato com o Flamengo até o fim de 2019. Ele foi cedido ao Sport, e a intenção da diretoria é negociá-lo com outro clube.